Esta foto é sua?

12 motivos para você também se encontrar com Unbreakable Kimmy Schmidt

Eles resolveram unir uma história um pouco nonsense com uma protagonista que é totalmente, personagens hilários, tiradas inteligentes e uma boa dose de referências à cultura pop dos anos 80 e 90, e nos deram: Unbreakable Kimmy Schmidt.

Devo confessar que minha quedinha por séries de comédia, já está virando uma ribanceira total, não que vá deixar os dramas de lado, mas comédias levinhas e descompromissadas ganham cada vez mais minha preferência e horas de Netflix.

E isso não foi diferente com Kimmy, comecei a assistir para ver qual era e depois de dois ou três episódios não consegui parar. Quer mais motivos para começar? Vem conferir a listinha com 12 motivos para curtir a série ao som de penoo noir:

kimmy-frase

1 – A história

A série conta a história de 4 mulheres que são resgatadas de um abrigo subterrâneo após ficarem presas por 15 anos por um pastor de uma seita maluca que havia lhes contado que tinha ocorrido o apocalipse na terra. Entre elas quem se destaca é a Kimmy, que ao invés de querer retornar para a sua cidade prefere ir ao encontro do desafio de viver na tão sonhada Big Apple.

2 – A Kimmy Schmidt

A personagem principal é hilária! Atualmente Kimmy tem 29 anos, porém como ficou presa e longe de tudo por 15, age e se veste como uma menina adolescente dos anos 90 pronta para descobrir o mundo.

kimmy-kimmy

Ela usa tênis brilhante, roupas super coloridas e fica deslumbrada com pequenas coisas, mas também é super determinada em ir atrás do que ela quer como voltar a estudar ou ajudar sua patroa, Sra. Voorhees, a dar a volta por cima. Além de sempre ter alguma frase de impacto, mesmo que às vezes ela não faça tanto sentido.

kimmy-dois

3 – Melhor abertura

Gente, a abertura do seriado é algo à parte. Na realidade ela é inspirada na vibe do Bed Intruder Song e foi realizada em cima de uma entrevista sobre o que aconteceu quando as meninas foram encontradas. Só aviso uma coisa: essa música vai ficar na sua cabeça!

Aqui é a versão completa:

(Sabe quando você faz maratona e passa as aberturas? Essa não dá vontade de passar!)

4 – Titus

Os personagens secundários também são muito divertidos, cada um com sua singularidade, mas se tem um que me rouba muitos momentos de risadas é Titus Andromedon! Negro, gay, aspirante a ser artista da Brodaway e..sensacional. Titus protagoniza vários momentos engraçados que são pura irônia a sociedade que vivemos.

titus-melhor

Além de ser o guia perfeito e ao avesso para Kimmy sobreviver à Nova York.

5  – Referências aos anos 80 e 90

Kimmy e as outras garotas passaram 15 anos no abrigo, ou seja, tudo o que elas tinham visto na vida foi no período dos anos 80, 90 e 2000. Então pode contar com muitas referências a filmes dos anos 80, músicas e Friends, sim, Friends! <3

kimmy-friends

6 – É do Netflix

Não sei vocês, mas estou bem contente com as séries originais que o Netflix tem produzido. Orange is the new Black, House of cards, Narcos, Demolidor e Jessica Jones são alguns dos exemplos de como Netflix tem acertado a mão em suas produções e Kimmy também está nessa lista, mais um motivo para começar agora.

7 – Peeno Noir

Além da abertura que já falei ali em cima, outra música criada na série é Peeno Noir, a obra prima de Titus. Não quero dar spoilers, mas acho que vocês podem assistir só para ter um gostinho de quão bizarro pode ser:

Plus: as meninas de Orange is the new black fizeram uma paródia, mas no caso é com a Honey Jar. Play aqui também:

E sim, elas também ficam na cabeça.

8 – Girl power

A série também nos remete ao empoderamento feminino, mesmo quando isso é inserido de forma leve e engraçada, o lema ali é acreditar em si mesmo, sempre.

Inclusive na música de abertura: “Females are strong as hell.”

kimmy-auto-ajuda

9 – Produzido pela Tina Fey

É criada pela Tina Fey, responsável também pela por 30 rock e Meninas Malvadas. Então se você já assistiu alguns deles sabe que vem boas risadas e diálogos inteligentes e irônicos por aí. Além disso, a Tina faz uma participação no finalzinho da temporada como a advogada mais incompetente possível (amei!).

10 – Dá para fazer uma maratona rápidinho

Cada episódio tem em torno de 20 a 25 minutos e são um total de 13 episódios, então dá para assistir tranquilamente no intervalo de uma tarefa e outra ou também como maratona.

kimmy-uhul

11 – A 2ª temporada já chegou no Netflix

Falando em maratona, esse final de semana chegou a segunda temporada! <3

Que tal aproveitar o feriado para colocar Kimmy em dia?

12 – Impossível não se identificar em algum momento

E mesmo que com uma história bizarra por trás, no fundo a Kimmy é gente como a gente, se descobrindo todos os dias nesse mundo louco. Tem como não adorar?kimmy-rap

Comentários