40 deliciosas comprovações de que a felicidade engorda Esta foto é sua?

40 deliciosas comprovações de que a felicidade engorda

Todos nós trazemos diversos repertórios e gostos que podem ou não ser condizentes com nossa idade. A idade cronológica serve cada vez mais apenas para atestar fatores de ordem biológica e suas respectivas marcas em nosso desenvolvimento. A parte disso, no mundo da alimentação, nós carregamos gostos bem específicos. Dentro dessa lógica, existem adultos, que mesmo crescidos, não conseguem gostar de azeitona, aliche, panetone, café, pimenta, chocolate amargo, uva-passa, uísque, couve ou até de cerveja.

Eu sei que serei taxado de mau – exemplo, mas tudo bem, eu gosto de comer besteira, gosto mesmo, e sou desses que acham que faz muito mal achar que tudo faz mal. Engordar feliz é uma arte que exige dedicação, hedonismo, disposição pra chegar até a cozinha e de preferência culpa nenhuma. Culpa é muito calórica. Essa lista é bem pessoal, e como o autor não come “nada que nada”, e também num é o maior fã de carne vermelha, esses itens, assim como bebidas, ficaram de fora da lista. Não estranhe a quantidade de guloseimas com queijo ou batata ou os dois. Quem vos fala é um eterno viciado em carboidratos e do tipo que pede pizza metade queijo e a outra metade também. Fazendo esse exame de paladar percebi que minha idade alimentar ficou estacionada nos 15 anos de idade. E dessa vez, para que nos comentários não haja aquela parte do “faltou…” e também para que você descubra qual a sua idade alimentar, gostaria que você leitora compartilhasse a sua lista de preferência, porque hoje, tudo PODE:

1 – Creme Brulee 

creme brulee

Esse doce engloba um ritual que muitos de vocês já conhecem através do filme “Amelie Poulain”. O de quebrar a casquinha de açúcar com a colher. Ver essa casquinha sendo solidificada pelo maçarico é também um jeito de comer essa delícia com os olhos, mesmo antes de dar o bote. Existem várias versões dele no restaurante “Paris 6” (tem Rio e em SP) e o melhor: dentro dele vem mergulhado um picolé do Diletto. #ficadica

2 – Papo de anjo

Papos de Anjo-g-20100817

Pouca gente conhece esse doce que pra mim é o melhor que existe. Ele é feito com uma massa a base de gemas de ovos e molhado, bem molhado, muito molhado por uma calda doce com baunilha que revigora a vida de qualquer pessoa amarga, um sonho. Você o encontra na barraca de doces da feira da Benedito Calixto, aos sábados em São Paulo.

3 – Berinjela empanada à parmegiana

Berinjela à Parmegiana

Lembrando que se a berinjela não estiver empanada fica sem graça.

4 – Quindim

Armazem_paulista

Se tem algo que lembra avó pra mim é quindim, ou quindão. A parte gemada deve ser a protagonista e se destacar em relação à camada de coco que fica embaixo, senão perde a graça.

5 – Batata gratinada

batata-gratinada

Deve ser feita com creme de leite e muito queijo, nunca com molho branco. A palavra “gratinada” talvez seja a parte mais importante da coisa toda. Queijo crocante é vida!

6 – Nhá Benta

nhabenta

Nem “Dan-Top” nem “Dinda”, nem outras imitações. O marshmallow e a casquinha da Kopenhagen são incomparáveis.

7 – Milka com biscoito no meio

SDC10029 (2)

O grande frisson do Freeshop hoje em dia é ele, experimente, mas cuidado, você vai querer comê-lo de uma só vez.

8 – Torta de limão

tortadelimaolight

O casamento das três camadas dessa torta é algo muito importante, mas existe uma em especial que brilha mais do que as outras. A torta de limão do “Viena”, a sua camada suspirada e a base feita de bolacha “Maria” que desmancha na boca, muda vidas.

9 – Provolone à milanesa

queijochaplin

Se tem um aperitivo que é delicioso – e gorduroso, e geralmente caro – é esse. Mas, ainda assim, se entregue.

10 – Aussie cheese Fries

aussie-cheese-fries

Eu poderia colocar apenas batata frita nessa lista, mas a batata gratinada com queijo e bacon do Outback é uma das coisas mais incríveis que já inventaram no planeta terra. Conselho meu: se você for comê-la, peça um molho agridoce chamado Billabong. Sucesso!

11 – Omelete/tortilha de batata frita

IMG_1843

Se você tem parentes espanhóis ou já foi pra Espanha, sabe do que eu estou falando. Caso contrário, talvez estranhe um pouco, mas omelete com batata frita é uma combinação dos deuses.

12 – Merengue

merengue-morangos

O inverno é muito mais legal porque o morango e o suspiro se unem feito um casal apaixonado.

13 – Bolinho de arroz

bolinho-de-arroz

De todos os bolinhos improvisados feitos com sobras, talvez esse seja o mais gostoso de se saborear. Ele tem sido a alegria dos botecos e quando vem recheado de queijo fica melhor ainda.

14 – Açaí

cc179476-2ca4-4d19-8f6a-82c0d739ab2a

Eu tenho a teoria de que Açaí vicia. Sei lá, é refrescante, docinho, azedinho, te deixa ligadão e na versão suco fica muito bom também, ainda mais se misturado com suco de laranja.

15 – Batata suíça/rosti

Batata rosti - aberta 2

Não confunda com Baked Potato. Essa versão deliciosa é feita na frigideira e é composta por batata ralada. De recheio: um milhão de possibilidades.

16 – Bala de coco

f_240105

No mundo das comidas que desmancham na boca, eis a minha eleita como a melhor.

17 – Risoto de abobrinha

dsc_0612

Eu precisava incluir risoto e abobrinha nessa lista, e os dois juntos formam um prato gostoso pra dedéu.

18 – Creme de milho

creme-de-milho-grande

Nossa! Sempre que eu ouço a descrição de um prato daqueles bem triviais e alguém diz “creme de milho” eu me animo vezes mil.

19 – Reese’s

maxresdefault

Uma das bênçãos de 2014 foi ver o Reese’s voltar a ser vendido por aqui num preço baratinho. O chocolate com paçoca que a gente mais ama na vida.

20 – Pastel de feira

pastel

O “de feira” é imprescindível. Eu por exemplo só ia com meus pais na feira, pra comer um belo pastel de pizza com caldo de cana geladinho, tipo recompensa.

21 – Torrone

Il-torrone-di-Antonietta-e-Costante-Marotta

Torrone é uma perdição. Coberto com chocolate então fica mais matador ainda. Mas, se vocês experimentarem torrone mole, aí sim, vocês nunca mais desapaixonam.

22 – Pão de queijo

receitadepaoqueijolight_cozinhandopara2ou1

Pra mim pão de queijo ou é muito bom ou é muito ruim. Gosto quando acertam no polvilho, no arzinho de dentro e na casca bem crocante. O mineiro sempre se sai bem nessa.

23 – Couve flor a milanesa

DSC_5514

Eu sei, é bem peculiar, mas fica tão bom com arroz, feijão, alguma proteína e saladinha.

24 – Chicabon

ChicaBonCincoVezes

Simples, gostoso, eternamente a estrela dos picolés.

25 – Blondie

imgp9531

É um brownie de chocolate branco. Eu posso afirmar que é muito melhor do que a versão tradicional, sério! Acompanhado de um sorvete de massa então, fica perfeito. Dica: você encontra o mais delicioso que existe no Applebee’s.

26 – Pizza de 4 queijos

Pizza 4 Queijos-A560x370

Meu sabor obrigatório. Chego a brigar para que uma das metades seja de 4 queijos. Pra mim tem que ter massa grossa, nenhum orégano, molho de tomate sem tempero algum, Catupiry legítimo e muito, mas muito queijo gorgonzola.

27 – Bem-casado

1-2

Casamento tem mais graça quando no final nos entregam o bom e velho bem-casado feito com amor.

28 – Bolinho de queijo

1147

Eu sempre disse pros amigos que no dia em que fosse rico eu daria uma festa regada a muita bolinha de queijo. A promessa continua.

29 – Crepe com Nutella

foods_fat_nutella_crepes

Nutella tinha que estar nessa lista, e acho que no crepe, ela continua mantendo sua essência arrebatadora e nesse caso, quentinha.

30 – Amendoim Nute Bavarian

foto_01926_138477 (1)

Acho esse amendoim sinestésico, quando passo perto de uma barraquinha dele, eu quero comer o cheiro, juro!

31 – Sorvete de Dulce de leche do Freddo

sorvete doce de leite 1

Uma das grandes atrações de Buenos Aires convive conosco hoje em dia, e surpreendentemente é gostoso de se tomar num dia de frio. Prove com vauquita ou brownie.

32 – Pringles salsa e cebola

04062010421

Num tem pra ninguém, batatinha chips é Pringles. Pena que é bem cara e é só pra de vez em quando.

33 – Yakisoba

yakisoba

Gosto dele com muito shoyo e legumes. É o único momento em que eu me sinto saudável comendo macarrão. Não?

34 – Pão de alho

maxresdefault (1)

Os vegetarianos me entendem. Num churrasco, o bom é velho pão de alho sempre salva a nossa vida.

34 – Paçoquita cremosa

pacoquita-180g-emporium-da-gulla-2

Ela vem num potinho, você come com colher e a vida fica mais empolgante. Por não ser tão fácil de encontrar, a gente tem mais vontade ainda.

35 – Petit gateau

Petit-gateau-2-Retaurante-Galli2

O momento em que a lava de chocolate escorre e a gente mete a colher junto com o sorvete é transcendental.

36 – Onion Rings do BK

o-BURGER-KING-ONION-RINGS-facebook

O Burguer King manja da arte das cebolitas empanadas, acho imbatíveis. Só num vai beijar na boca minutos depois.

37 – Glico de tomate

BnXOZeLIMAA0kuR

É aquele salgadinho que só tem em mercadinhos menores, vendinhas eu diria. O sabor tomate é meio adocicado e acaba rápido e você quer comer outro logo em seguida.

38 – Bala 7 belo

dsc02273-1

Num consigo achar bala melhor no mundo. A de maçã verde destrói!

39 – Spaghetti ao pesto

IMG_6778

Massa de verdade pra mim é Spaguetti. Melhor do que qualquer outra massa recheada metida a besta. Melhores versões: ao pesto, carbonara ou alho e óleo.

40 – Bolo molhado de coco embrulhado no alumínio

bolo-embrulhado-low

O melhor bolo do mundo é molhado, tem muito coco, vem geladinho e oculto dentro de um papel alumínio. Vocês se lembram dele?

Comentários