Esta foto é sua?

Desapego em forma de carinho

Te ligo em plena madrugada de sexta-feira, você é inteligente e sabe que não é saudade, mas sim só vontade de te comer de novo. Qualquer uma acharia um descaso e já me julgaria como idiota a partir desse momento, mas você era diferente… Aquele momento era nosso, estávamos de comum acordo e apesar do nosso desapego sentimental eu sempre tive a maior paciência de ouvir se você preferia Veneza ou Paris e assim conversarmos sobre as banalidades das nossas rotinas.

Sabe, era uma mescla muito intensa de carinho e safadeza para um lance somente casual, mas talvez esse fosse o charme. Era só a gente ali desabotoando o pudor com palavras, arranhões, puxões de cabelo e qualquer coisa que fizesse as paredes daquele quarto sumir. Pelo menos por um instante.

Nossa relação era como uma carta sem endereço, sabíamos que ela não iria chegar a lugar algum, mas não importava, até porque só nós precisávamos saber o que tinha dentro dela.

Vou embora, com um sorriso no rosto pelo simples fato de saber que ele combinava com o seu. E assim nos garantimos que a palavra respeito terá sempre a mesma importância nessa nossa relação. Uma relação mantida por um beijo, um tapa e vários sorrisos.

Comentários