p-ique-liberdade Esta foto é sua?

Ela é livre e você?

Quando ela está sozinha, reza com suas próprias palavras. Já que para ela não existe regra para conversar com a pessoa amada.

Quando ela está sozinha, olha para o espelho e agradece por mais um dia. Afinal, agradecer pela vida, é uma coisa muito rara e bela. Quando ela está sozinha, anda de bicicleta sem as mãos.

Acredita que de braços abertos pode voar e ir para qualquer lugar. Ela adora essa sensação do vento no seu rosto e a velocidade que bate o seu coração.

Sem precisar de nenhuma razão, ela muda os planos e realiza novos sonhos.

Quando ela está sozinha, corta o cabelo com a tesoura da cozinha, tira uma fotografia e fica rindo de si mesma por dias.

Quando ela está sozinha, deita na cama com uma blusa básica e uma calcinha. E antes de dormir, tira a sua maquiagem e fica ainda mais atraente e sexy.

Quando ela está sozinha, corre balançando os braços  e nem liga para o cabelo desarrumado. Anda pela rua com o seu fone no ouvido, com um sorriso tranquilo, natural e muito bonito.

Seus olhos brilham de alegria enquanto ela caminha distraída, curtindo a trilha sonora da sua vida.

Ela é livre. Isso não é um crime. Muitos não entendem essa menina e ficam querendo saber porque ela está sozinha. Ela tenta mostrar ao mundo algo que aprendeu com muita dor.

Solidão é unir duas pessoas sem amor. Ela aprendeu a se dar valor e acreditar em um amor sem pressa. Aquele que, com o tempo, alcança o que interessa.

Ela não se desespera e segue sua vida. Pra ela, uma simples tentativa nunca foi a melhor saída.

Aprendeu a ser resistente. A dizer “não” quando não for suficiente. Sabe que metade de qualquer coisa nunca vai satisfazer. Poucos conseguem entender esse seu jeito de ser.

Inteira em uma só. Ela nunca esteve sozinha. Nem com ela e nem com os demais. Ela é apenas uma menina que sabe viver em paz, com ela mesma e com a vida.

Comentários