Esta foto é sua?

Eu não quero ser parte das suas confusões

Já passei muito por isso, amigo. Eu hoje simplesmente não quero mais isso. Eu até entendo que você esteja confuso, não faça isso de maldade, mas as pessoas que te cercam também precisam ver os seus lados. Tá todo mundo machucado, mas parece que você é o único que não tem se importado.

Você diz que vai mudar, que as mudanças que tem passado tem te transformado, mas eu ainda te vejo agarrado ao que você ainda tem errado. E como fica a gente, meu caro? O que a gente faz? A gente espera sentado até que você largue das suas atitudes insanas e repare que muitas de nós não querem mais ser um caso?

Eu sinceramente não sei mais o que fazer, mas te garanto que estamos todos cansados. Estamos perdendo tempo com alguém que uma hora quer seguir numa linha reta e depois segue desvirtuado. Não somos obrigados.

Tenho vontade muitas vezes de excluir o seu contato, de ter recomeçado sozinha, sem ter que ouvir mais o quão egoísta eu sou apenas por pensar em mim, só que se eu nunca fizer isso, será que você vai olhar para o quanto você tem me magoado?

O que para você é ego, para mim é um fato. Eu não sou parte das suas confusões. Espero que você lembre que eu venho tentar resgatar a sua coerência, o seu discernimento, trazer o mínimo de lucidez pelo tanto que você ainda tem se enganado.

Esse é o nosso trato.

Mas enquanto eu olhar para você e ver uma colcha de retalhos do pior dos meus antigos amantes e namorados esse trato não tá selado. Eu faço qualquer coisa, pego essa folha em branco e amasso.

Eu não quero carregar esse fardo.

Eu quero reconstruir os meus pedaços

E fugir do seu caos.

Comentários