Esta foto é sua?

Não se guarda ninguém num potinho

O cara sempre corre e ajeita a Vida para conseguir jogar aquela pelada. A mulher inventa espaço na agenda para aquele encontro com as amigas. E cada um se pergunta “por que não tem essa intensidade pra mim também?”. Fica uma birra ou implicância sobre o tanto de esforço que um dos dois, às vezes, coloca.

Um casal não é construído apenas com o planos e convivência a dois. Pelo contrário. Os casais que tem a maior probabilidade de dar certo são aqueles que respeitam a individualidade de cada um. O espaço para fazer outras atividades, estar com amigos e, também, respirar da pressão da rotina é fundamental.

Não se pode querer adequar toda a vida do parceiro para que todos os programas sejam de vocês. É preciso saber que um futebol com os amigos, um chope ou uma saída com a turma da faculdade é algo normal. E, claro, é importante que os dois consigam enxergar que o bonito do amor é a confiança.

Não tem como guardar ninguém num potinho, essa é a verdade.

Tudo é questão de aceitar e confiar. É questão, também, de conversar e explicar certinho o porquê de algumas coisas incomodarem tanto. Ou, então, mostrar o quanto que aquilo faz bem. Até porque, ter ciúmes dessas situações é normal.

O que acaba acontecendo é que um sempre tenta controlar demais a vida do outro, cortando-o de algumas coisas que, antes, ele julgava essenciais. Amigos são essenciais. Ter um momento só seu é essencial. Claro que, se for possível incluir o outro, melhor. Mas nem sempre se consegue. Ou se quer.

As pessoas ficam porque querem, não porque as prendemos.

Comentários