Esta foto é sua?

O escritor é mesmo um bicho muito bobo…

O escritor é um bicho bobo. Vive comprando dor para vender felicidade. Vive engolindo o choro só para dizer aos outros que chorar não vale a pena. Vive remendando corações alheios enquanto o seu só consegue bater por teimosia.

O escritor é um bicho teimoso também. Vive depositando as suas fichas no amor. Vive perdendo. Vive insistindo. Quando ganha, se assusta. Escritor também é um bicho medroso. Vive com medo de estar sendo profundo demais. Vive com receio de se afogar em relações que só entregam superficialidade. Na dúvida, ele coloca um pé ali, outro lá; mas logo sai de perto quando percebe que o ambiente é raso demais.

Escritor é bicho bobo, mas é um bicho bom. Fica sempre feliz com a felicidade alheia. Sabe rir junto. Chorar junto. Sonhar junto. Ele é bobo porque não desiste de ninguém – nem de nada. Põe a mão no fogo para falar de sonhos. Se queima. Se machuca. Mas logo diz que não foi nada e segue em frente.

Quando o assunto é vida, o escritor pode até ser um bicho bobo. Mas pensa num bicho que é valente?!

Comentários