Esta foto é sua?

O problema sou eu?

Ou as pessoas que enlouqueceram? O problema sou eu em querer paz ou as pessoas que só tem alimentado ódio mesmo? Não sei em que dia do ano parei, que parte da história perdi, mas sei que estou desencaixado no meio desse mundo todo. As coisas andam tão frias e as pessoas andam tão coisas.

Outro dia eu disse gostar de alguém e esse alguém se assustou comigo. Na minha cabeça, geralmente a gente fica feliz quando alguém diz gostar da gente. Eu não entendi mais nada. Teve outro dia também que eu preferi falar a verdade do que disfarçar uma mentira, mas eu também não fui muito bem compreendido.

O problema sou eu?

Porque vai ver é isso mesmo. Vai ver eu esteja pensando errado e, o pior, vivendo errado. Vai ver eu esteja colorindo o que sempre será cinza. Como que faz então? Onde a gente aprende a viver do jeito certo? Tem um jeito certo? Por que o fato de eu convidar alguém para sair pode fazer tão mal a mim mesmo? Por que eu fico tão triste quando não me respondem a mensagem? Faz sentido tudo o que estou falando? Porque tudo bem se não fizer. Vai ver não tem sentido mesmo.

Mas eu também acho que as pessoas enlouqueceram. Também acho que nunca foi tão difícil entender como elas pensam. Tudo bem que cientistas trabalham há décadas tentando entender o que eu quero em anos, mas é angustiante. Me preocupa porque as pessoas distorcem demais as coisas. Eu digo A e fulano entende B. Aí a briga está armada e sabe quem ganha? Ninguém.

Queria conversar mais e só dizer que não gosto. E também queria ouvir que não gostam.

Simples quanto isso. Não quero ter razão todo dia não, só não quero voltar pra casa com a sensação de que compliquei o que era simples ou de quem não sei entender o óbvio. É complicado. Acho que falaria sobre isso mais uns duzentos anos. O problema sou eu? Ou eu quem criei o problema? Acho que sofro demais com pouco e faço sofrer muito com quase nada.

Eu só queria dar mais risada e viver os dias úteis com mais sabor de feriado.

Comentários