Lana Del Rey Esta foto é sua?

O que eles pensam sobre – Esmalte Escuro

O grande marco da minha “infância” para a “adolescência” foi uma questão de detalhe. Uma gotinha de esmalte vermelho escuro chamado Rebu. “Cor de mulher feita” dizia a manicure da minha avó quando ainda criança eu pintava minhas unhas mentalmente e imaginava, afinal, o que faria de tão diferente e especial uma mulher de unhas escuras. Hoje sei que fazemos, quase, tudo igual, mas com um toque a mais de confiança.

Pintar as unhas de cores escuras têm o poder de ajudar a dar um up também no estado de espírito. O esmalte escuro, principalmente o vermelho, é um símbolo de feminilidade e poder. Tem gente que se sente mais forte, mais liberta, mais ousada. Por isso, nem precisa se preocupar se está “na moda” ou não.

Aliás, essa história de moda para unhas não é muito meu forte. Cor de esmalte tem mais a ver com a personalidade de quem usa do que com imposições vindas de passarelas ou telenovelas. Lembra disso. Não é a toa que os esmaltes levam nomes sugestivos também. Malícia, Luxúria, Beijo no Escuro, Maçã do Amor, Gabriela, Tapete Vermelho, Fantasia. Instigam e brincam com a imaginação. Lembro quando vi o Deixa Beijar pela primeira vez. Seria super divertido se a vida combinasse com o esmalte, não?

10-trends-colors-nail-polish-53765 Gwen Stefani Jennifer Aniston Julianne Hough Lana Del Rey Maria Menounos timthumb.php via DailyNails via PopSugar

O que será que os guris aqui do EOH pensam sobre mulheres que usam unhas escuras? Será que curtem ou ficam intimidados? A opinião deles não vai revolucionar nossas coleções de esmaltes, mas é sempre divertido conferir. 

Léo Luz

Sem querer parecer consultor Avon, mas a mim me parece que esmalte escuro combina mais com mulheres de pele morena. E esmalte claro é mais romântico, mais bucólico. Mas um esmalte vermelho ou escuro em uma situação mais noturna, mais sexy, fica realmente lindo. Mas eu sempre vou ter uma queda por esmaltes claros. Pena que não combina com meu tom de pele

Fernando Gouveia

Antes de tudo, peço licença às leitoras e leitores do EOH e agradeço ao amigo Fred Elboni pela oportunidade. Quanto a esmaltes escuros, eu gosto muito. Acho sexy, muito bonito e dá mais vontade ainda de sentir a garota arranhando minhas costas com força, vontade e ausência de hesitações ou pena – obviamente, se for o caso e houver a intimidade para tanto.

Frederico Elboni

Esmalte escuro me transmite uma confiança contida. Do tipo, sou delicada, mas também gosto de lugares inusitados. Algo tipo “roar”. Mas sem a Katy Perry. E também não sei o motivo – até porque vou deixar o cargo de consultor da Mary Kay com o Léo – mas acho muito sexy quando a mulher tem uma mão delicada e usa um esmalte escuro. É, eu ligo bastante para essas sutilezas e, obviamente, estaria me vendendo como machão caso eu dissesse que não

Pra mim, esmalte escuro é tipo um atestado de que a mulher está consciente de si. Como se ela buscasse evidenciar o seu arquétipo mais forte de mulher, daquelas que passeia por entre malícias, mas se derrete por dizeres que não podem ser adiados. O esmalte escuro traz seu traço mais matador, daquele que pode, talvez, sinalizar que você pode ser o seu próximo amor.

Ricardo Coiro

Quando eu vejo unhas escuras, logo penso em maldade. Maldade boa, claro; não do tipo que a Carminha e a Nazaré costumam fazer por aí. E maldade me dá tesão, confesso. Acho que tenho gostos parecidos com a mina do 50 Tons de Cinza. Outro motivo pelo qual eu curto as unhas escuras: elas deixam a mulher com um ar “rock and roll”. E rock combina com tudo, não combina

Comentários