p-yami Esta foto é sua?

O valor de rir consigo mesma

Eu sei. Você já se pegou no banho rindo do nada. Ou então você estava ensaiando como ia chegar naquele cara que você tanto gosta, só que de uma forma total descompromissada, desinteressada e sexy. Só que para isso, você não podia simplesmente deixar rolar. Você tinha que ensaiar.

“É isso. É agora. Vai funcionar.”

Mas, menina… Nada saiu como você planejou. Você pestanejou. E sabe aquele boy maravilha que você não conseguia parar de pensar? Bem, se ele não apareceu, ele voou. Para uma outra freguesia, talvez.

Mas você sabe o valor de rir consigo mesma?

Sim. O mesmo teatro que você faz para impressionar alguém pode ser feito para você, exclusivamente e sem ter medo de errar.

Vai. Vamos lá. Tenta.

Começa a rir no banheiro, depois sai daí e vai para a sala. Da sala você já pode fazer suas loucuras, sem ser medo de ser julgada.

Você nunca vai estar errada. Só se solta. Não tenha medo de nada.

Ah, e não esquece: dance pelada. Tá na hora de você aceitar as dobrinhas, ou falta de linhas – Você é mais que perfeita. Mas não precisa se forçar para aceitar tudo ainda.

Esse é um processo que só tem a ver com você. Você que tem de se achar bonita.
Essa é a única regra da vida. Tá? Até por que, como não achar incrível alguém que tão única? Hum?

E outra coisa, boy de verdade mesmo é aquele que te mereça, livre, bonita, solteira e de qualquer maneira, desde que seja a SUA maneira. Esse aí vai te aceitar sem ensaios e é quem vai te ajudar a montar o teu espetáculo que é “viver”.

“Você está sorrindo agora?”

Comentários