Esta foto é sua?

Olá, moça das pontas loiras

Olá, pontas loiras.

Não, você não me conhece. E não se espante quando descobrir quem eu sou, quero apenas te dizer algumas poucas palavras.
Ontem uma lágrima se formou em meus olhos quando descobri que os nossos caminhos finalmente se cruzaram. Eu esperava por esse dia e tentei ao máximo preparar o meu coração para a sua chegada. Bom, não era exatamente a sua chegada. Cheguei a imaginar você de tantas formas, tamanhos e nomes diferentes. Mas olha só você… é uma moça de pontas loiras.

Desde que a sua presença foi anunciada, tenho tentado te conhecer um pouco. Talvez isso não pareça uma coisa muito sã de se fazer, mas tenho certeza que teria feito o mesmo se estivesse no meu lugar, se sentisse o que eu sinto neste momento.

Ah, claro! Desculpe! Você não está entendendo nada, não é mesmo? Bem, eu sou a ex-namorada do seu atual. Sim, essa sou eu.

Tudo bem, você tem razão. Isso é inconveniente, admito. Talvez você nunca tenha ouvido falar sobre mim. Ou talvez já tenha conhecimento de que dediquei os meus últimos anos a mesma pessoa a quem você se dedica agora. Ele é incrível, não é? É só por isso que estou aqui te escrevendo tantas palavras. Porque sei o quanto ele merece encontrar uma boa moça; e eu só queria me certificar de que seria você. Confesso mais uma vez, parece ser a pessoa certa. Mas se me permitir, tenho algumas dicas que serão de grande valor daqui pra frente.

Primeiramente, sugiro que seja amiga dele. Tudo que ele sempre quis era alguém que acima de tudo fosse companheira. Aquela mulher com quem ele passaria a vida inteira ou pelo menos grande parte dela. Uma mulher que se tornasse a parceira de boteco, mas também de vida e de cama.
Ele gosta de uma boa conversa e não vai se importar de trocar mensagens com você até de madrugada. Na verdade, ele vai amar quando você mandar um bom dia ou boa noite, ou dizer que lembrou dele quando escutou tal música.

Você não vai precisar de muitas coisas para fazê-lo feliz. Ao contrário, o simples o fascina. Ele vai preferir sair para comer cachorro-quente na esquina. A cerveja geladinha sempre será uma melhor pedida do que um vinho caro. Os olhos dele irão brilhar quando você o presentear com um DVD do cantor favorito em vez de uma camisa de marca.

Ele gosta de tocar violão e cantar. Vai inventar de jogar tênis só para desistir no final de semana seguinte. Vai ficar nervoso com o chefe e precisar de alguém que o escute reclamar. Também vai precisar de um tempo com os amigos para jogar vídeo game e discutir futebol. Ah, e quando ele começar a ficar muito inquieto em casa é porque provavelmente precisa de um tempo sozinho.

E isso nos leva a minha segunda dica. Não o pressione demais. La no fundo ele tem medo de se entregar. Ele já passou por tantas coisas, que seu maior medo será sofrer novas perdas. Ele vai demonstrar várias dúvidas, desde o sabor do sorvete (e sempre vai escolher o de morango) até qual carro comprar. Ele tem sonhos inacabados e você não deve deixar que ele desista sem tentar. E quando ele preferir a solidão, não tente invadi-la. Apenas espere pelo momento em que ele decidir sair e esteja por perto.

No mais, é isso. O tempo vai te proporcionar muitas descobertas sobre ele e o coração enorme que carrega no peito. Tenha certeza que ele irá marcar sua vida para sempre, assim como marcou a minha. Talvez eu tenha me perdido em tudo isso e esquecido de valorizar o que tínhamos. Espero que você saiba fazer melhor.
Prometo não mais voltar a procurá-los. Sejam felizes. O faça feliz.

Comentários