Pensamento positivo resolve tudo? Esta foto é sua?

Pensamento positivo resolve tudo?

É a geração detox. Tudo se resolve com suco verde e pensamento positivo. Exercícios respiratórios também ajudam. Puxa pelo nariz; solta pela boca. Cheira a flor; sopra a vela. Conte até três. Len-ta-men-te. Veja só como as coisas vão melhorando. Não há nada que gengibre e couve não resolvam. É só pensar numa linda relva molhada de orvalho que os problemas evaporam. O orvalho também. É o poder da mente.

O discurso do pensamento positivo é tão atraente que eu confesso que também já me vi seduzida por ele e reuni todos os meus neurônios para, num esforço único, me imaginar descobrindo a cura da AIDS, casada com o príncipe Harry e dividindo o guarda-roupas com a Kate, minha cunha. Não deu certo.

Não deu certo porque existe uma linha nem tão tênue assim que distingue a postura daquele que encara a vida positivamente e aquele que acredita que pensamento positivo resolve tudo.

O discurso do pensamento positivo é bonito, admito. “Limpeza emocional.” “Desintoxicação da mente.”  “A solução está no pensamento”. Tudo isso soa muito bonito mas infelizmente, na maioria das vezes, é tão ineficaz quanto a dieta da lua que eu andei fazendo nos últimos meses.

É ineficaz pelo simples fato de que problemas inevitavelmente acontecem. Não há pensamento positivo que evite que você perca o ônibus, seja demitido, tenha uma pilha de louças para lavar ou finque o dedinho na quina da porta. Descompassos invariavelmente acontecem. É natural que aconteçam e seria ainda mais frustrante dizer que não. 

A grande sacada é que, sem dúvida alguma, a melhor maneira de enfrentar um problema é conhecendo-o intimamente. É imergindo-nos na podreira dos próprios problemas que conseguimos reconhecer as possíveis soluções para eles. É no contato íntimo e minucioso com os próprios defeitos que conseguimos combatê-los se assim quisermos. E tudo isso acontece porque o primeiro passo para enfrentar qualquer situação é conscientizando-se de que ela realmente existe.

Não pensar nos problemas e afastar o pensamento das coisas negativas que nos afligem só adia o sofrimento. É teimosia; não otimismo. Cegueira não é sinônimo de alegria.

A verdade é que quem se obriga a ser feliz o tempo inteiro só encontra insatisfação. Sofrer faz parte da vida. Lutar contra isso só gera frustração. Felicidade de verdade é o que acontece quando você não tem tanto tempo assim para prestar atenção na respiração.  

Comentários