Esta foto é sua?

Quão feliz pode ser um poeta apaixonado?

Meu universo,

Quão feliz pode ser um poeta apaixonado? Em cada uma das manhãs em que acordo e, prontamente, lembro-me que estamos juntos, vejo crescer em mim um sentimento que nunca antes havia sentido. Como se o amor não tivesse telhado, a cada chuva fôssemos irrigados e a cada dia de sol, fortificados. Como se desejássemos semear o mundo com o que há de melhor em nós e, assim o fizéssemos.

Sinto-me forte como nunca imaginei que pudesse ser. Sinto-nos fim de tarde na beira da praia e observatório em noite estrelada. Sinto-te núvem a oferecer-me sombra e copa de árvore a presentear-me com teu melhor abrigo.

Existem várias formas de recomeçar uma vida e vários meios de sorrir de novo, mas, provavelmente, nenhum recomeço seria tão completo e nenhum sorriso seria tão espontâneo, se eu não pudesse ser agraciado, diariamente, com a tua presença.

Sejamos firmemente unidos e deliciosamente livres, para que, o tempo nos ensine a lidar com as nossas diferenças e, também, a compreender os desejos do outro.

Que os nossos próximos passos sejam um reflexo da nossa tão bela cumplicidade e, que a cada esquina que passarmos, possamos contagiar até os postes de luz que cruzarem o nosso caminho.

Comentários