Esta foto é sua?

Você não deveria odiar a ex dele

Eu já escrevi aqui sobre rivalidade feminina e a necessidade de desconstruir a ideia de que nós mulheres vivemos em constante competição. Já escrevi sobre todo o esforço que fiz para perceber que desde a infância fui doutrinada a encarar as outras meninas como oponentes numa competição sem sentido sobre quem é a mais bonita, mais comportada ou mais desejada pelos garotos. Já escrevi sobre o quão libertador é se livrar desses conceitos e unir-se àquelas que passam pela vida enfrentando os mesmos problemas que você. Eu só não escrevi sobre ex-namoradas.

Não escrevi sobre ex-namoradas porque confesso: eu não me sentia pronta. Eu não me sentia pronta porque durante bastante tempo eu fui a pessoa que odiava a ex do meu namorado pelo simples fato dela existir e já ter amado a pessoa que eu amo.

É feio assumir, mas é necessário. Eu já fui a pessoa que stalkeava a vida da ex como se ela fosse um criminoso procurado pelo FBI. Eu já fui a pessoa que pedia para o namorado bloqueá-la das redes sociais sem motivo aparente. Eu já fui a pessoa que ficava se comparando com a ex como se nós estivéssemos disputando um concurso de beleza. Eu já fui a pessoa que se divertia com piadas sobre odiar ex-namoradas. É triste, mas eu já fui tudo isso.

img-post-duda

Percebi que muitas amigas também já experimentaram esse ódio desmotivado pela ex e tive certeza de que esse sentimento tem muito a ver com aquela noção equivocada de competição que nos é ensinada sabe lá Deus por quê, como se só por ser mulher a ex fosse uma rival tentando destruir nossos relacionamentos. Percebi que além de não fazer sentido, esse sentimento não agrega nada positivo às relações e só alimenta inseguranças infundadas, essas sim capazes de destruir qualquer relação.

É claro que existem pessoas problemáticas. Existem ex-namoradas e ex-namorados que realmente causam problemas aos relacionamentos atuais e é bom que essas pessoas sejam evitadas. Mas essa não é a regra. Há muita gente bem resolvida com o passado, disposta a levar a vida adiante e que realmente não vai interferir no seu relacionamento pelo simples fato de ser uma ex.

A sucessão das relações não é uma competição e é sempre bom fugir de quem nos desperta inseguranças fazendo acreditar nisso. Os encantos da pessoa que você ama foram construídos sobre as experiências que ela viveu e é justamente por isso que é essencial olhar com respeito para as histórias pelas quais cada um passou. Aquilo que hoje é só passado.

Comentários