Dalí e a Moda - o Surrealismo do Street Style Esta foto é sua?

Dalí e a Moda – o Surrealismo do Street Style

Não tem como negar o papel da moda na vida de uma mulher. Sou dessas apaixonadas e acredito que a moda ainda é uma forma de arte. A arte de vestir-se bem. A arte de saber valorizar-se através dos tecidos envoltos ao corpo. Exagero meu? Um pouco. Esse ano, realizei o sonho de participar da semana de moda de Paris. Durante a temporada, mergulhei fundo nesse universo por vezes fútil. Por isso, precisei me abastecer de arte.

No Centre George Pompidou, museu dedicado à arte moderna em Paris, estava a exposição do Salvador Dali. Fui conferir e fiquei maravilhada! Já tinha assistido ao filme Um Cão Andaluz várias vezes, mas é outra sensação assistir sentada no chão do Pompidou rodeada de quadros e objetos de Dalí.

O que mais me impressionou ao vivo foi o intitulado “A couple with their heads full of clouds”, de 1936. Gosto da moldura em formato de pessoa e de como uma delas se aproxima da outra. Gosto da paisagem pintada “dentro” deles. Não é lindo? Pra mim há tanta poesia na obra que me leva a imaginar toda a história dos dois.

DALI

E o que mais me interessou ao fazer fotografias de street style foi justamente isso: imaginar a história dessas pessoas que se vestem para serem vistas.

Não é novidade nenhuma dizer que várias pessoas nas semanas de moda se vestem como alegorias com o único objetivo de serem fotografados por blogs de street styleSuzy Menkes, jornalista do New York Times, falou sobre o show de horrores das fashion weeks (confere o texto imperdível aqui). E quer saber? Estar lá é realmente entrar numa obra surrealista. Eu, ao fotografar, procurava não os looks mais interessantes, mas sim o olhar dessas pessoas ao tentar captar humanidade em visuais (talvez paisagens) por vezes tão artificiais. Mostro aqui os olhares que mais me intrigaram nessa surrealista temporada.

IMG_0327 IMG_0400 IMG_0575 IMG_0586 IMG_9748

Comentários