Esta foto é sua?

A gente

Sempre soube muito bem como encaixar a sua cabeça no meu peito. É, eu era bom nisso. Mas não só eu, você também era boa em me fazer ter vontade de você. Vontade que você nunca deixava ficar só em vontade. Beijos com gostinho de “quero mais”, pegada com jeito de “posso te dar muito mais” e principalmente um sorriso com cara de ”tem como não querer mais?”. Como você era gostosa. Gostosa, safada e minha. Mas isso só eu preciso saber. Então essa era você, a mulher que me fez acreditar em algo que até hoje não sei o nome.

Comentários