O que eles pensam sobre moda - Roupas com franjas Esta foto é sua?

O que eles pensam sobre moda – Roupas com franjas

Uma tendência forte para o verão? Roupas com aplicações de franjas. Há duas vertentes principais delas na moda: o estilo apache inspirado nas roupas dos índios americanos; e o estilo melindrosa, inspirado na moda do início do século passado.

Nesse verão, esqueça os índios e aposte nos loucos anos 20. O estilo melindrosa fez a cabeça e o armário das mulheres de vanguarda da época. Através das roupas, essa nova geração feminina expressava a efervescência cultural do início do século marcada pelos movimentos artísticos avant-garde, como surrealismo, cubismo, fauvismo, entre outros ismos da arte.

De volta a 2013, a moda faz uma nova interpretação. Hoje, se jogue nas franjas de tecidos delicados, como a seda. Elas trazem movimento para as roupas e são ótimas para o visual da balada. Sucesso garantido.

A única regra é: elas aumentam o volume do corpo e fazem tudo parecer maior, então use roupas com franjas em lugares que você queira “dar uma turbinada”. Acha que tem peito pequeno? Use blusas com franjas no decote. Quer dar um truque para aumentar o bumbum? Invista nas saias franjadas.


EOH 1 Olivia Palermo

Franjas, brilhos, seda e transparência. Super inspirado na moda das melindrosas, o look de Olivia Palermo é ótimo para festas formais, como formaturas e casamentos. O único cuidado para usar vestidos assim é deixar a maquiagem bem básica para não ficar parecendo uma fantasia.


Nina Ricci collection (Spring-Summer 2013, Paris Fashion Week)

Esse look da passarela de Nina Ricci Summer 2013 é ótimo para copiar. Funciona super bem na prática. A saia com franjas de seda faz um visual delicado e chique. Combine com uma blusa bem básica e pronto. Você pode inclusive usar saias desse tipo com t-shirts despojadas, fica um contraste bem interessante.


EOH 3 Helena Bordon

A it-girl brasileira Helena Bordon mostra como a moda pode ser aplicada no dia-a-dia. Escolha uma camiseta franjada e combine com uma calça mais justa para equilibrar. Dica: para não ficar exagerado, prenda o cabelo e não use brincos.


E aí, o que será que eles pensam sobre?

A gente não liga muito para a opinião deles sobre nossas roupas, mas é bom saber para matar a curiosidade.

 

Léo Luz

Eu acho roupa com franja fofa. Pra adolescente, modelo, ator e tal, é fofo. Pra uma festa só se for festa de artista, porque aí definitivamente vai ter gente com roupas mais estranhas. Mas acho fofo, bonitinho, mesmo sendo estranho.

Eu, particularmente, nunca vi uma mulher de perto com esse tipo de roupa. Gosto de mulheres com roupas leves, que não brigam com seu corpo e que rebolam com elas. Assim, esses detalhes de franja na saias é um balançar bonito, harmonioso, mas grita atenção, né? Então, imagino que o conjunto final deve ser simples, com roupas lisas e sem muita informação. Deixa os olhares à dança das franjas e coxas. E aos sorrisos, claro.

Frederico Elboni

Digite no Google: Komondor.

Não sei,esse negócio de franjas é algo bem esquisito. Me agrada uma camisa/camiseta levemente com as tais franjas, quanto ao resto tenho minhas dúvidas, especialmente porque as franjas podem variar na espessura, espaçamento, comprimento, etc. O que eu tenho medo é ver uma mulher com uma saia ou vestido de franjas, especialmente se for em tons claros e parecer um cão maltês recém saído de uma tosa no pet-shop

Ricardo Coiro

Roupas com franjas? É uma ótima pedida quando seu namorado está cansado de fantasias clichês de enfermeira e quando quer surpreendê-lo com um ar meio Pocahontas. Não era essa a intenção? Já sei! Quer fazer com que ele se arrependa de não ter te convidado para um rodeio? Também não? Então pra quê? Agora acho que entendi a malícia: na hora do sexo oral, quer que o cara se sinta ultrapassando aquelas portas/cortinas cheias de penduricalhos? Errei? Na minha opinião, roupas com franjas, fazem com a mais depilada das mulheres passe a impressão de que precisa, urgente, de uma cera quente. Parece-me uma segunda camada de pelos mutantes. Para um cara como eu, que odeia pelos e que, na mulher, só vê necessidade da sobrancelha e do cabelo, as franjas lembram um cabeleira desnecessária. Fico me imaginando, no escurinho do cinema, acariciando ela com a mesma sensação que sentiria se acariciasse a Priscila da TV Colosso.

Comentários