Talvez você esteja exigindo demais Esta foto é sua?

Talvez você esteja exigindo demais

Querer é um direito seu, ter é um privilégio. Até que ponto vale a pena fazer a vida parar só para que ela aconteça exatamente do jeito que deseja? “Queria outra coisa”, “queria de outra forma”, “queria outra pessoa”. E quem somos nós para nos atrevermos a esperar que a vida seja exatamente do jeito que desejamos?

A vontade de ser feliz é a mesma que pode nos deixar mais tristes. Isso tem a ver com a frustração que sentimos através das expectativas que alimentamos. A busca pela “pessoa ideal” – aliás, ela existe? – e a espera para que apareça alguém do jeitinho que você sempre quis são só armas contra a sua própria vida.

Na espera de uma boa oportunidade nós perdemos as melhores possibilidades. É louco como os padrões e os clichês nos cegam. Gostamos de compartilhar frases sobre “o que realmente importa na vida” mas quando a vida é a nossa, queremos mesmo é que ela aconteça do jeito que desejamos, ignorando o jeito que merecemos e que precisamos.

Sabe, é que talvez ele não tenha um corpo de invejar quando fica sem camiseta na praia, mas, exatamente ele, possa ser quem não liga pra sua estria ou pra sua celulite em que gasta 70% do salário para eliminar. Talvez ele nem saiba exatamente o que é isso. Mas você prefere colocá-lo num perfil que não faz o seu tipo, então o descarta. Talvez ele não seja tão bom com palavras e tenha uma certa dificuldade em organizar pensamentos que resultem em frases bonitas, mas sabe, talvez ele seja quem se importa em te mandar mensagens surpresas durante o seu dia, ainda que não tenha nada de diferente para contar além de te lembrar como gosta de você.

Talvez você esteja exigindo demais. Talvez você esteja se colocando num patamar alto demais pra ficar. Talvez você não esteja se enxergando o bastante para valorizar quem consegue te valorizar mesmo você fazendo questão de mostrar seus defeitos. Você sabe como é difícil ter alguém? Você lembra como foi quando gostou sem que gostassem de você?

Do que você precisa? De uma foto a dois com mil curtidas ou de um dia com mil risadas?O que te faz bem? Porque se emociona com os filmes? Porque torce para o mocinho na novela?

Talvez você esteja exigindo demais. E entenda, é claro que não é para se obrigar a sentir o que não consegue, mas bem que você pode direcionar sua energia para quem te dedica parte da própria vida. Não seja mais uma pessoa entre tantas outras que ignoram quando lhe são reveladas amor. Não seja também quem mente dizendo “eu também”, seja apenas quem você gostaria que fossem com você, goste como gostaria que gostassem de você.

Presta atenção em quem te dá atenção sem que você precise clamar por atenção.

Querer é um direito, ter é um privilégio e aceitar é o caminho.

Comentários